OsTrotamundos

A vida é Trotar por este mundo!

Nos Passos de Magalhães II – Chegada em Paine

Torres del Paine o segundo objetivo da expedição Nos Passos de Magalhães II. Torres del Paine o primeiro objetivo para um apaixonado em fotografias. Simplesmente um dos locais mais intocados do planeta. Apenas 2 dias no local, então foi aproveitado ao máximo.

O Parque Nacional Torres del Paine (entrada 15 mil pesos chilenos) possui 242 mil hectares, sendo um lugar provido de elementos simples: montanhas, florestas, rios, lagos, neve, vida selvagem abundante, geleira, desertos e um pouco de civilização representada por grandes, luxuosos e caros hoteis. Nós, é claro, ficamos confortavelmente instalados em nossas próprias barracas e colchões infláveis no camping Pehoé ($10mil por pessoa por dia).

O caminho de Punta Arenas para Torres del Paine passa por Puerto Natales. Uma cidadezinha sede para os aventureiros do parque e que dispõem de muitas pousadas e restaurantes. Por indicação do Ramalho almoçamos num lugar bom, de nome meio duvidoso. Mas pelo menos as montanhas voltaram ao horizonte. Apenas no inicio, depois ficamos de cara a cara com toda a imponência desses maciços rochosos.

Estrada para Porto Natales

Na simpática Puerto Natales

Restaurante de nome duvidoso recomendado pelo Ramalho. Pelo menos estava bem cheio e a comida gostosa.

Antes de chegar no Parque propriamente dito visitamos a “cueva del milodón” , uma caverna onde foram encontrada vestigios deste espécie de preguiça gigante. O passeio é legalzinho, o bom mesmo foi as brincadeiras da Gabriela.

Cueva del Milodón

Fazendo pose ao lado do mais novo amigo Milodón. Ao fundo Gabriela fazendo arte.

Com as montanhas de volta ao cenário surgem os lagos e a cada curva de ripio uma grata surpresa.

Estrada de ripio para Torres

Vista do Lago Toro, antes da entrada do Parque

Finalmente o parque

Chegando no parque fomos direto (claro, com varias paradas para foto) para o camping. Preparamos o jantar e já encaramos a primeira caminhada para o Mirador dos Condores, em frente ao lago Pehoé apreciar o pôr do sol. Nesta empreitada de fim de dia, apenas B.H.Rocha, Vi e Carlos Feitosa encararam a subida.

Primeiro miojo da viagem.

E lhes apresento as famosas Torres del Paine, visto de frente ao lago Pehoé.

Bruno, Viviane e Carlos no crepúsculo del Paine

Anúncios

16/11/2010 - Posted by | Aventuras | ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: